fbpx

Hábitos estranhos que os pets fazem que explicados por especialistas

Seu pet te encoxa ou come o próprio cocô? Calma, há explicação para esses e outros hábitos estranhos! 

Todos temos algumas manias, não é? Alguns roem a unha, outros dormem de luz acesa e isso só para falar nos costumes mais comuns, mas tem vários outros que nem imaginamos. 

Além disso, também há as reações do nosso corpo, por conta do nosso sistema nervoso ou hormonal, por exemplo. Sabe quando estamos estressados e ficamos doentes? Então, isso é uma resposta externa às situações do cotidiano.

Mas o que um artigo sobre pet tem a ver com isso? 

Bom, esse aqui, visará mostrar hábitos que os pets têm que muitas vezes achamos estranho, mas são nada mais nada menos do que respostas biológicas explicadas por especialistas

Quais hábitos “estranhos” dos pets tem explicação científica? 

Cheirar o traseiro de outros animais 

Esse não poderia deixar de ser a primeira da lista, pois arranca piadinhas entre nós, meros seres humanos. 

Mas poxa, cada ser vivo tem o cumprimento que merece, não acha? 

A explicação dos especialistas

De acordo com a American Chemical Society, eles fazem isso para cumprimentar seus companheiros, mas vão um pouco mais além. 
Na real, essa é uma forma deles descobrirem informações dos outros cães, como o sexo, estado emocional, raça, humor, etc. 
Sim, o traseiro dos cães é quase um banco de dados, e não tem muito a ver com questões… íntimas, digamos assim. 

Cavar buracos 

É só ver um punhadinho de areia ou grama, que o seu pet já corre para cavar? Nós sabemos que nem sempre vemos isso com bons olhos, porque eles se sujam e fazem uma bagunça danada. 

Mas na real, é que devemos ser mais pacientes, pois eles só estão se divertindo! 

A explicação dos especialistas

Um dos motivos das escavações caninas, é enterrar brinquedos ou ossos para mantê-los longe de quem quer que seja, principalmente de outros predadores. 

Cavar também é uma forma de brincar e se distrair, e caso sua cadelinha esteja grávida, esse ato pode ser um instinto maternal com o intuito de fazer um ninho. 

De acordo com a veterinária Mireille Sabbagh, no geral, se livrar do tédio é a maior causa dos buracos, então sem problemas! 

Encoxar perna dos humanos

Esse costume é super comum, mas mais do que isso, é o que mais causa constrangimento, principalmente se o seu amiguinho fizer isso nas visitas. 

Quem tem um cão em casa, com certeza sabe do que estamos falando! Mas será que a conotação que damos à essa prática, é a mesma deles? Eles nos veem mesmo como “objeto” sexual

A explicação dos especialistas

Essa é uma boa notícia: não, nem sempre é o que nossa mente poluída pensa. Em geral, eles fazem isso para marcar território, algo mais do que típico no mundo animal. 

Então, quando seu pet começar a encoxar você, suas visitas e até os brinquedos dele, apenas quer mostrar quem é o dono da parada, como quem diz “aqui é tudo meu, hein? sai pra lá”.

Além disso, encoxar também significa muita animação, forma de aliviar a ansiedade e gastar energia. 

Mas quando isso é muito frequente, para o médico veterinário comportamentalista Ricardo de Pauli, isso é considerado um cão com hiperssexualização, geralmente quando entram na puberdade entre 6 e 7 meses. 

Marcar território 

O xixi é quase uma bandeira dos cães, não é? Em um local novo, eles sempre gostam de deixar uma lembrancinha, para dizer que estiveram ali. 

E não, muitas vezes nem é porque realmente estavam com vontade de urinar, pois a explicação está no instinto animal e não nas necessidades fisiológicas. 

A explicação dos especialistas

Para os especialistas, os cachorros marcam as áreas que consideram ser deles, mesmo que quase nunca sejam. 

Isso permite com que outros cães saibam que eles estão presentes, o que é muito importante no mundo animal, e por isso faz todo sentido na cabecinha deles! 

Comer cocô

Uma das manias mais comuns dessa lista, comer cocô é a que mais preocupa os tutores. Até porque, comer as próprias fezes não devem fazer muito bem à saúde, não é mesmo? 

Quando nos deparamos com isso, já pensamos que podem estar doentes ou algo do tipo, porém, explicação científica não é tão assustadora quanto a cena do nosso doguinho comendo fezes. 

A explicação dos especialistas

Mega nojento para nós, para os pets, isso é apenas parte de sua evolução. Segundo James Serpell, professor na Escola de Medicina Veterinária da Universidade da Pensilvânia, esse é um legado evolutivo da história dos cães. 

Arrastar o bumbum no chão

Já reparou se o seu cãozinho sentou-se e começou a andar arrastando o traseiro no chão? Pode até parecer meio engraçado, mas quando isso acontecer, é melhor ficar atento. 

A explicação dos especialistas

Essa atenção é devido ao fato deles poderem estar com parasitas que causam coceira nessa região. Por isso, a única forma de se livrar dela é arrastando o bumbum. 

Então, além de você mesmo dar uma olhada para encontrar alguma pulga ou carrapato por ali, o melhor mesmo é sempre levar seu amigo a um profissional. 

Às vezes, leigos a olho nu não conseguem enxergar a situação como um médico. Além dos parasitas, isso também pode indicar infecção, inflamação e vermes. 

Destruir os móveis 

O pesadelo dos tutores, concordam? Pois é, quem nunca se deparou com um sofá ou um sapato destruído, pode se considerar sortudo. 

Porém, por mais que nosso instinto seja o de brigar e ficar bravos com eles, precisamos primeiro saber interpretar o instinto deles

A explicação dos especialistas

Se para nós, esse é um hábito bem desagradável, para eles, também significa chateação, porque é um sinal de mostrar tédio e ansiedade. 

Pode ter certeza que nenhum bichano faz isso para irritar seus donos. Na verdade, esse é quase um pedido de ajuda e atenção. 

Morder e destruir móveis e objetos quer dizer que o seu cão precisa de mais brincadeiras, exercícios e espaço para extravasar. 

Afinal, há com o que se preocupar? 

Como deu para perceber, para todos esses comportamentos, há uma explicação. Quando ela é biológica e resulta do instinto animal, tudo bem! 

Uma sujeirinha ou encoxada aqui ou ali, nós conseguimos superar para os vermos felizes. Porém, nos casos em que os hábitos são por conta de estresse, ansiedade ou enfermidades, devemos procurar uma clínica veterinária

Veterinário em domicílio

Você pode agendar um veterinário em casa para avaliação dos pets e ele fazer um check-up coletando exames veterinários. Agende sua consulta

Rolar para cima