fbpx

O que são as verminoses?

o que são verminoses em cães e gatos

Vermes em cães e gatos

Para começar, sabia que os vermes são organismos que podem contaminar pessoas ou animais e se multiplicam dentro de seu organismo? 

Eles se alimentam do sangue ou do conteúdo intestinal, por isso, debilitam tanto o hospedeiro se não tratado. 

As verminoses em cães e gatos domésticos são doenças silenciosas, pois geralmente os sintomas não aparecem logo que o animal entrou em contato com o parasita, podendo demorar de três semanas a seis meses para a manifestação de sintomas. 

Mas quais são os sintomas dos vermes?

Os sintomas podem variar conforme o local em que o parasita se reproduz. 

A maioria dos vermes adultos fixam-se no intestino delgado, uma das porções do trato gastrointestinal e por lá ocorre a liberação de milhões de ovos através das fezes dos gatos e dos cães, o que é a forma infecciosa para outros animais. 

Nesse caso, por se alojar nessa região do corpo, os sintomas podem ser:

  • Diarreia
  • Vômito
  • Anemia
  • Perda de peso
  • Perda de apetite ou apetite voraz
  • Diminuição da ingestão de água 
  • Apatia

Veja alguns exemplos mais comuns de verminoses de intestino delgado: 

  • Ancylostoma caninum 🐶🐱
  • Dipilidium caninum🐶🐱
  • Toxocara canis 🐶
  • Taenia taeniaeformis 🐱
  • Toxocara cati 🐱

Outros vermes podem migrar para a região de pulmão, e se alocar nos brônquios e/ou coração e ocasionar sintomas como tosse, aumento da frequência respiratória, perda de peso ou dificuldade respiratória. 

Alguns exemplos: 

  • Strongyloides stercoralis 🐱
  • Dirofilaria immitis 🐶🐱

Como identificar se meu cão ou gato está com vermes?

Para identificar precocemente as verminoses, ou seja, quando o verme está na forma de ovo, podemos realizar o exame parasitológico de fezes ou coproparasitológico.

No exame é identificado a presença dos ovos do verme identificado na lâmina visualizada pelo patologista veterinário, o veterinário que vê tudo pelas lentes do microscópio. 

Outra forma de saber que seu cãozinho ou gatinho tem verminose, seria identificar a forma adulta do verme nas fezes ou no vômito dele, de qualquer forma mesmo tendo a presença de um tipo de verme adulto, não se descarta a possibilidade de ter verminoses diferentes no organismo do animal. 

Por fim, existem alguns testes sorológicos através do sangue para identificar os anticorpos dos vermes que circulam no pulmão e coração. 

A realização do exame de vermes

Para realizar este exame são coletadas três amostras de fezes, em dias intercalados – dia sim dia não – porque os ovos não são liberados todos os dias e dessa forma a probabilidade de pegar uma amostra com presença de ovos é maior. 

Como prevenir a contaminação dos vermes?

Sempre falamos por aqui, a prevenção é sempre o melhor tratamento, não por menos, a prevenção de doenças nos cães e gatos é a melhor forma de evitar que eles fiquem mal 😉

Para prevenir seus pets dos vermes, algumas recomendações são aplicadas:

  • Escove os pelos do seu gato ou cão
    A escovação pode auxiliar na remoção de ovos de parasitos presos no pelo do animal
  • Banhos
    Se seu pet permitir, dê banhos no início e no término do tratamento da verminose ou utilize banho a seco
  • Higienização dos ambientes
    Realizar a limpeza com desinfetante de itens que seu pet utiliza, como: cobertor, caminha, brinquedos, roupa de cama – caso ele durma com você  – e até mesmo a vassoura que você utiliza para varrer os pêlos do seu amiguinho.
  • Acesso a rua
    Se possível, restrinja o acesso à rua, para evitar uma recontaminação ou transmissão para outros animais.
  • Troque a areia sanitária frequentemente
    No caso dos gatos troque a areia da caixa sanitária diariamente, usando luvas, e periodicamente higienize com água e sabão ou mesmo desinfetante. 
  • Não deixe fezes expostas
    Já os cães passeadores de plantão, limpe o local em que ele defecou com desinfetante, dentro de casa ou mesmo se for na rua, pois assim outro amiguinho não irá se infectar.
  • Controle Ectoparasitos
    Realize o controle de ectoparasitos, como mosquitos, piolhos e pulgas, pois estes são hospedeiros intermediários de alguns vermes.
  • Faça exames de rotina
    Realize exame de fezes com regularidade, pois este pode detectar precocemente a presença de parasitos.

Como tratar os vermes?

A consulta inicial quando ainda filhote é muito importante, pois o veterinário irá orientar qual a melhor opção de vermífugo e qual o período de utilização, e em alguns casos o pet pode apresentar algum sintoma que seja relacionado com alguma verminoses e agir rapidamente para intervir e prescrever o tratamento adequado para cada animalzinho.

O vermífugo é o indicado para maioria dos casos, tudo depende de quais sintomas o paciente está apresentando para determinar a necessidade de outros medicamentos.

Além do tratamento em si para a verminose, é necessário a limpeza do ambiente e dos utensílios utilizados pelo animal com desinfetante à base de amônia quartenária, vendidos em pet shop.

A higienização faz parte do tratamento para evitar uma recontaminação da verminose, pois os ovos se não eliminados do ambiente podem permanecer intactos e o paciente pode ingerir novamente através da ingestão dos mesmos.

Acho que meu cachorro ou gato está com vermes

Nesse caso a consulta veterinária é indicada para avaliar e determinar o melhor tratamento, não recomendamos que dê remédios sem prescrição médica.

Você pode agendar a consulta na sua casa com o Atende Pet, quer saber como funciona? Acesse aqui

Muito obrigado por chegar até aqui

Até mais 😉

Conteúdo produzido com a participação da Dra Bárbara Donato – Médica Veterinária do Atende Pet

Imagens:
FreePik

Rolar para cima