fbpx

Por que os gatos ronronam?

É o sinal mais reconhecível de satisfação animal: um som áspero que os gatos emitem ao receber carinho, geralmente quando ele está deitado no colo do tutor, porém esse som também pode aparecer quando o animal está estressado ou angustiado.

Todo gato ronrona?

Não. Especialistas acreditam que gatos que não tiveram a presença da mãe na primeira infância tende a não ronronar.

Uma coisa é certa: eles aprendem a ronronar desde muito cedo, com apenas alguns dias de vida, o que ajuda suas mães a localizá-los na hora de alimentá-los.

Meu gato ronrona muito

Fique atento, o ronronar excessivo associado a outros comportamentos pode indicar alguma doença ou incômodo. Dessa maneira, podemos associar alguns ronrons com a dor. 

Os gatos podem ronronar inclusive durante o agravamento de doenças, o que se especula sobre alguns estudos que associam o ronronar (vibra a 25-150 HZ) à cura, pois o ronrom possui a mesma frequência que ajuda à cicatrização física.

Você sabia…

Estudos mostraram que alguns dos músculos da laringe dos gatinhos produzem um som que é responsável por mover as cordas vocais e produzir o ronronar dos bichanos.

A baixa frequência do ronronar dos gatos origina uma série de vibrações dentro do seu corpo que podem aliviar a sua respiração, ajudar no trabalho de parto, curar ossos danificados e lesões, formar músculos e reparar os tendões e também atua como forma de alívio da dor. 

Por isso eles também podem ronronar durante a consulta clínica veterinária pois é uma forma de se acalmar.

Muito além de sintomas

Os gatos podem ronronar como meio de persuasão para conseguir o que querem, indicando que o pote de ração está vazio, ou pedindo por petiscos e ronronam alto quando estão explorando novos ambientes com cautela.

Essa é para você, humano!

O ronronar dos felinos também é benéfico para seus donos, segundo pesquisas realizadas na França, o som aumenta a sensação de bem-estar, serenidade e auxilia no sono. 

Há alguns anos a Universidade de Minnesota, em Minneapolis, apontou que os felinos conseguem aliviar o estresse dos donos e, como esse é um dos fatores de risco a predisposição de doenças cardíacas, a pesquisa indicou que ter um gato reduz em 30% os riscos do seu tutor ter um ataque cardíaco.

⚠ Atenção ao seu gatinho

Como falamos, o ronronar do seu gatinho é a forma de comunicação dele com o mundo, a sua convivência dirá muita coisa sobre o que ele quer dizer, ronronar em excesso ou deixar de ronronar pode ser motivo de alguma sintoma.

Se achar que ele está anormal, procure o seu veterinário.

O Atende Pet realiza a consulta em domicílio, para mais informações entre em contato com o atendimento 😉

Até mais

Este conteúdo teve a participação da Dra Bárbara

Rolar para cima